quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Matias - adoptado!

1ª ACTUALIZAÇÃO…. ADOPÇÃO DO MATIAS….
O Matias foi retirado da rua, está em Gaia numa fat desde Domingo (29 Jan.), tomou banho e foi escovado, revelou-se um pequeno bem comportado e dá para ver, que estava habituado a estes cuidados de higiene, aliás ele gosta.
Foi também desparazitado interna e externamente, está lindo e muito agradecido.
É muito jovem (cerca de 1 ano) e meiguinho, mas muito tímido, medroso e muito carente, talvez pelos maus tratos que deveria sofrer (porrada) pois assusta-se e aninha-se sempre que houve um barulho mais ruidoso, por isso ele precisa de tempo para voltar a ter confiança no ser humano.
Pelo que temos visto, o Matias precisa de alguma paciência também para ser educado (talvez nunca o tivesse sido!), pois às vezes esquece-se que apenas deve fazer xixi na rua, porque de vez em quando lá faz uma “pinguinha” em casa, fora isso, porta-se muito bem dentro de casa não só na companhia de crianças, como com outros cães. Gosta de jogar à bolaJ e dá gosto vê-lo correr, tem um porte bonito.
É um excelente companheiro, anda bem de carro, atento a tudo o que o rodeia com especial atenção para as pombas e cegonhas.
Pedimos que nos ajude a partilhar e divulgar este apelo, caso possa imprima e afixe alguns cartazes do Matias porque ele precisa de bons donos.

AJUDE-NOS A AJUDAR O MATIAS!!

Obrigada,

Sónia Duarte / 937244282 / sonia.patricia.duarte@gmail.com
Angelina Gomes / 936061166 / angelinagomescorreia@gmail.com



PARA ADOPÇÃO
O MATIAS foi abandono e preso por uma pequena corda ao pára-choques traseiro de um carro, e descoberto cerca das 7h00 da manhã de Sábado (dia 21 Jan), um dia frio, gelado e com muito nevoeiro como esta altura é no Douro, pois isto aconteceu na Régua, à porta do meu prédio.
Este pequeno estava complemente gelado, pois a corda era tão curta que ele não se conseguia deitar, penso que deveria ter estado toda a noite -  pelo menos a partir da 00h30 – de pé ou sentado, cheio de fome e complemente molhado da geada que caiu.
Todos os moradores que ouviram os gritos do meu vizinho – dono do carro – que por um milagre não se meteu no carro, marcha a trás e era morte certa  deste inocente – vieram em seu auxilio e deparam-se com aquele canito de olhar triste e cabisbaixo e a minha atrapalhação foi tal que nem me lembrei de tirar fotos desta triste cena!!
Neste momento, ele está como “cão comunitário” protegido pelos moradores daquela urbanização, tem comida e água, anda à solta mas está na rua, pelo que peço a todos que partilhem este apelo de forma a podermos encontrar um adoptante para ele.
Ele é novo (cerca de 1 ano), pequeno médio, meigo e tímido, dá-se bem com todos os outros animais que moram naquela urbanização, brinca com as crianças, corre e pula, mas tem todo o aspecto de quem já morou numa casa, pois o pêlo está relativamente limpo, embora se note que está um bocado magro, penso que deveria já ter passado fome. Come ração e comida caseira.
Ele já foi desparazitado interna e externamente e pedia a todos que nos ajudem a encontrar uma casa para ele ou então uma fat para que ele saia da rua.

Agradecemos toda a atenção,

Sónia Duarte / 937244282 / sonia.patricia.duarte@gmail.com
Angelina Gomes / 936061166 / angelinagomescorreia@gmail.com